Amazônia: riqueza, degradação e saque

  • R$ 36,00

Calcular Frete

  • Amazônia: riqueza, degradação e saque

Sinopse: A obra contribui para conhecer o Brasil pela abordagem sobre uma de suas maiores e mais ricas regiões do continente americano, em seu processo histórico, desde sua base econômica e social. O autor trabalha com a contradição entre a riqueza natural e a pobreza social que atinge 28 milhões de habitantes. Ele destaca que a chamada Amazônia Legal brasileira é grandiosa, bela, impressionante, pois ocupa 61% do território nacional. A ­ floresta corresponde a 7% do planeta, 1/3 das ­ florestas tropicais, até 50% da biodiversidade da Terra e até 20% da água doce superficial do globo terrestre. Maior ­ floresta tropical, maior província mineral e principal reserva biogenética do planeta, é o maior bioma brasileiro, importante para o Brasil e para o equilíbrio do ecossistema do planeta como um todo. No entanto, a população da região é mantida na pobreza, em uma realidade do capitalismo dependente e periférico. Para entender essa realidade regional, a autor busca responder a questões fundamentais, como: Por que sua integração à nação brasileira ocorre de forma subordinada ao grande capital nacional e estrangeiro? Que elementos autorizam a degradação do ecossistema amazônico levada a cabo pelas cadeias produtivas da mineração e do agronegócio? Por que o Estado brasileiro assume nas relações interiores e exteriores um papel subordinado e dependente ao capital? O presente livro apresenta o exemplo mais evidente do que significa um país – e neste caso, dentro do país, uma região – estar inserido no chamado “capitalismo dependente” na plenitude de suas contradições.  

Autor: Gilberto de Souza Marques


Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.